quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

OLHE SÓ......



“…Não pense que a pessoa tem tanta força assim
 a ponto de levar qualquer espécie de vida
e continuar a mesma.
Até cortar os próprios defeitos pode ser perigoso
 – nunca se sabe qual é o defeito
 que sustenta nosso edifício inteiro.
 Nem sei como lhe explicar minha alma.
 Mas o que eu queria dizer
 é que a gente é muito preciosa,
e que é somente até um certo ponto
que a gente pode desistir de si própria
 e se dar aos outros e às circunstâncias.
 Depois que uma pessoa perder o respeito
a si mesma e o respeito às suas próprias necessidades
 – depois disso fica-se um pouco um trapo.


Pegue para você o que lhe pertence,
 e o que lhe pertence é tudo aquilo
que sua vida exige.
Parece uma vida amoral.
 Mas o que é verdadeiramente imoral
é ter desistido de si mesma.”



Clarice Lispector



                                  Na têmpora : MARIA GADÚ- ENCONTRO clipe AQUI

Um comentário:

Leonardo B. disse...

[salve-se o que pudermos...

que urgência essa, de Clarice]

Um imenso abraço, Ale

Leonardo B.