terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

É MEU ANIVERSÁRIO. PODE CHEGAR.






De forma implacável o tempo passa,
sem pedir licença, sem aceitar pausas..
Nunca tive grandes pretensões,
Grande mesmo, só meus sonhos,
 que se agigantam a cada dia,
Colhi as reações de minhas ações,
Mergulhei em mim e descobri
novas arestas a serem podadas
Novos desafios surgem a cada dia,
É surpreendente as Possibilidades que tenho a frente,
Na brisa de minha mente, no fundo do meu coração,
Quero muito ainda ser Capaz de cativar, de conquistar, de convidar,
De partir pro embate desses meus planos,
Alçar vôos pendentes,
Engavetar mágoas e dissabores,
Sorrir o mais que puder
E com toda minha força emergir alegria,
O único poder que almejo é o de mudar cabeças ainda insanas,
Ter a visão para em Certos momentos
recuar meu radicalismo,
Perder o propósito dessa minha teimosia 
em dirigir vidas,
Ter paciência com a vida,
pois só ela poderá me amansar,
Crer que as experiências é que culmina Meu Caminho
Ter a sabedoria para distinguir
entre asescolhas e os desvios,
E que o fluxo e ritmo que me move
 continue refletindo a jovialidade de minha alma,
Que as dúvidas não me façam hesitar,
Meu corpo continue em brasas flamejantes,
Quero continuar instigando o melhor lado de quem me cerca,
Conservar minha credibilidade conquistada,
Abandonar minhas mágoas Ao longo desse caminho,
Não deixar a rotina cruel  me transformar
mecanicamente num ser catatônico
Aceitar secretamente minha timidez,
Transformar o inverso no avesso esperado,
Conseguir a tão almejada fé incontestável,
Materializar às vésperas dessa data no próximo ano,
Num eu ainda mais feliz, completo e menos desesperado
Desacostumar tirar meus olhos de ti,
Deixar  tuas palavras escorrerem em meus orgasmos
Contar e recontar tuas chegadas e jamais tuas idas,
Contabilizar nossos corpos à deriva pós-(a) mar
Triunfar levando meus amores pra passear,
Despertar mais sóbria e credula de esperanças,
Quero dormir e acordar os dias iguais aos demais,
 - sendo diferente-
Sou uma otimista que tende a utopia,
mas isso não vai mudar,
É meu ópio ocular e verdadeiro.
Meu presente? Beijos, abraços, sorrisos.
Sorriso nenhum no mundo é mais bonito do que o teu quando meu,
Esquecer Milhares de teorias sobre tudo,
Levantar a poeira e matar a sede,
Ter idéias e vontades revisadas,
Expor meus medos e esclarecer todas as dúvidas,
Que aumente sua tolerância com os meus Desacertos,
E que a noite se vista de negro, e eu tenha pés no salto e Olhos Vendados,
Enfim e simplesmente deixar-me arremessar nesse universo.
Parabéns pra mim por te ter por perto.
E pro mar por me acolher eternamente

Prometi que seria diferente. E assim o farei.

Alessandra Danyluk (02/02 ás 11:45 aterrisava nesse mundo)


Beijooooooooooooooooooooo


                                       

12 comentários:

[ rod ] ® disse...

Feliz Aniversário moça querida! Tudo de bom hoje e sempre... aliás dia 02 dia de Iemanjá...

"É água no mar é maré cheia, ô mareia, ô... mareia, é água no mar!

Contam que toda a tristeza que vem da Bahia nasceu de uns olhos morenos, molhados de mar. Não sei se é conto de areia, ou se é fantasia que a luz da candeia lumia pra gente cantar. Um dia a morena enfeitada de rosas e rendas abriu seu sorriso de moça e pediu pra dançar. A noite emprestou as estrelas bordadas de prata as águas de amaralina, eram gotas de luar!"

Bjs!

feiticeira disse...

Surpreendetemente espectacular, parabéns. Beijoooooo.

meus instantes e momentos disse...

que ótimo post...
esse texo/poesia é um presente que vc nos dá em seu aniversário.
Sorte de quem te lê.
Maurizio

Carol Mioni disse...

Parabéns, pelo niver e pelo texto!! muito AMOR, LUZ E PAZ pra vc!! beijos!

Andresa Vaz disse...

Parabééns!!
Amei o Texto e seu Blog!
Parabéns pelo niver e pelo blog!
=)

Pavarini disse...

Ale:

Meu parabéns tb vai em dose dupla: pelo excelente blog e pelo aniversário! =)

bjo

Marcelo disse...

Mais um aninho de vida e sempre uma menininha =)

Tudo ou nada ... disse...

Para mim a foto já diz tudo, mas o texto é maravilhoso
bjos

Barbara disse...

Tempo-cortina
Tempo-janela
Texturas.
Fibras de texturas e tecituras.
Parabéns e que, como disse o Rod, nascestes em dia de Yemanjá, a Mãe da Paz.

Natacia Araújo disse...

Amém para cada palavra!
Parabéns e felicidades querida!
Beijo grande!

Carol disse...

Só posso dizer, depois de ler este poema tão profundo, prazer em conhecê-la!
Que texto gostoso! Que pessoa linda!
Felicidades!

Mågø Mër£Îm disse...

No dia que tu nasceu... foi qdo Deus decidiu pegar uma estrela lá do céu e mandar pra cá, pra brilhar nessa Terra as vezes tão escura rs