quinta-feira, 17 de setembro de 2009

SOLITÁRIO ???

Hora de amor

(Miguel Torga )

Vem.
Adormece encostada a este braço
Mais débil do que o teu.
Entrega te despida
Nas mãos dum homem solitário
Que a maldição não deixa
Que possa nem sequer lutar por ti.
Vem,
Sem que eu te chame, ou te prometa a vida.
E sente que ninguém,
No descampado deste mundo, tem
A alma mais guardada e protegida
( Amei isso......
E é por essas e outras que insisto, procuro e
encontro te em tantos lugares.)
Duvido que tenha alguém que prefira permanecer ou estar sozinho.
Se existir...internem o indivíduo....
Porque não existe e nem inventaram nada melhor do que estar
assim...


Um comentário:

feiticeira disse...

Ale, fazes-me sempre sonhar. É tão bom amar e ser amado. beijooooooo