segunda-feira, 24 de agosto de 2009

CADA SEGUNDO.......




Dizem que chorei 3 vezes no ventre da minha mãe.




Ninguém acredita quando digo que consigo voar por cima de ruas vazias

em terras onde nunca nasci ou que adivinho as palavras

ainda não pensadas dentro das pessoas.

Um dia convido os deuses para vir beber um café

na tasca da esquina e tiro uma fotografia.

Sei que os gatos sonham com pombas azuis


Eu,Sonho com as distâncias enormes que te consigo percorrer na pele.

Viver é perigoso e por isso digo:Todas as noites assassino o meu coração

enquanto decoro a geografia total das artérias como se fossem as avenidas dos homens.

A viagem interior é a maior viagem que um dia farei.

Amanhã, quando acordar, vou tentar não me esquecer

de usar o vestido vermelho

e comprar um bilhete para onde nunca fui

e onde já fui tudo.

E tu,

Se esperares um pouco ,

ainda consigo descobrir os horários dos barcos

que se vão atravessar nos meus olhos

enquanto escutas os pássaros que tenho à volta do coração.

Puxa uma cadeira e fica à espera do sol

ou então deixa-me só um pouco de silêncio...

enquanto encostas a porta.


( Ana Saramago)






Cada segundo é um segundo a menos...

Um instante a mais

Uma verdade consentida,

Um medo presente.

Sabe aquela insegurança?

Ela existe...

Não sei ser diferente.

Vou morrer duvidando.

E se tiver a certeza...

Você sabe que é assim...

Eu confronto

Eu quero sempre...

Ser feliz

Na totalidade...

Sem desculpas,

Sem porques,

Desalinhada

Sem freios

Com o seu SIM.



2 comentários:

Mågø Mër£Îm disse...

é... cada segundo é mesmo um a menos... e eu tbm tenho dons... adivinho coisas e com isso elas perdem a graça... rs

um beijo, né...

Ácido Poético disse...

Bom demais isso tudo

Um beijo meu procê
Bruno
http://acidopoetico.wordpress.com